mostrar mensagem ]

Comunicados Oficiais - UNIARA (COVID-19)

Em virtude da pandemia global de COVID-19, as atividades da Universidade de Araraquara - Uniara sofreram alterações.

Clique aqui e confira todos os comunicados oficiais da Instituição.

ocultar ]

UNIARA

Notícias

Artigo - Lições da gripe espanhola

Publicado em: 02/04/2020

Lições da gripe espanhola

*Ademil Lúcio Lopes

 

Recentemente foram publicados dois artigos, intitulados, respectivamente,“Pandemias deprimem a economia, intervenções de saúde pública não: evidências da gripe espanhola” e “O coronavírus e a grande pandemia de gripe: lições da gripe espanhola para os potenciais efeitos do coronavírus sobre a mortalidade e atividade econômica”. O primeiro foi publicado pelo FED, que é o banco central norte americano, e o segundo, por importantes economistas, ligados ao gabinete nacional de investigação econômica daquele país.

Os dois discutem os impactos econômicos e sanitários da maior pandemia do século XX, a Gripe Espanhola (1918-1919) que, segundo números apresentados por estudiosos do tema, vitimou mais de cinquenta milhões de pessoas no mundo. Dado o tamanho da população mundial atualmente – por volta de 7,5 bilhões de pessoas-, seria algo em torno de 150 milhões de vítimas fatais. O objetivo dos autores dos estudos é extrair lições dos impactos da gripe espanhola sobre as sociedades daquela época, tanto do ponto de vista humano quanto do econômico.

Os dois artigos chegam a conclusões parecidas sobre a necessidade de medidas de isolamento, pois, analisando particularmente a situação nos Estados Unidos, na época, localidades que adotaram medidas de isolamento social dez dias antes da notificação do primeiro caso da gripe espanhola, tiverammenores perdas humanas e a atividade econômica se recuperou mais rapidamente das fortes perdas econômicas causadas pela gripe. Por outro lado, as localidades que demoraram mais para adotar medidas de isolamento sofreram mais perdas humanas e a economia desses lugares se recuperou mais tardiamente.

Em todos os aspectos, a gripe espanhola foi devastadora para as sociedades da época. Temos a grande vantagem de usarmos como armas de combate à pandemia, os avanços científico e tecnológico, a maior difusão de informações, cuidados com a higiene e serviços médicos melhor preparados e, dessa forma, os impactos serão bem menores hoje, mas não menos dramáticos do que naquele período.

Os autores destacam as grandes diferenças do mundo da sociedade e da economia naquele momento em relação ao atual, mas o tamanho do desafio que a sociedade atual enfrenta com o coronavírus somente é comparável àquele que o mundo enfrentou na gripe espanhola, portanto, não podemos ignorar as lições do passado, e sim aprender com elas e diminuir o quanto possível os sofrimentos humano, econômico e social.

 

*Coordenador do curso de Economia da Uniara



Últimas notícias:

Busca

Reproduzir o conteúdo do site da Uniara é permitido, contanto que seja citada a fonte. Se você tiver problemas para visualizar ou encontrar informações, entre em contato conosco.
Uniara - Universidade de Araraquara / Rua Carlos Gomes, 1338, Centro / Araraquara-SP / CEP 14801-340 / 16 3301.7100 (Geral) / 0800 55 65 88 (Vestibular)
N /