mostrar mensagem ]

Comunicados Oficiais - UNIARA (COVID-19)

Em virtude da pandemia global de COVID-19, as atividades da Universidade de Araraquara - Uniara sofreram alterações.

Clique aqui e confira todos os comunicados oficiais da Instituição.

ocultar ]

UNIARA

Ageuniara

Aspirantes das categorias de base focam nos estudos

Por: MURILO CESAR DE ARAUJO ROMANHOLI

01/03/2015

Ser um jogador de futebol é o sonho de muitos jovens, mas para conseguir alcançar o sucesso, é preciso percorrer um longo caminho, que muitas vezes dá voltas diferentes. Em São Carlos (SP), o clube da cidade possui 75 atletas distribuídos em três categorias diferentes (sub-15, sub-17, sub-20) e, mesmo tendo aumentado o número de interessados em integrar a base, muitos jovens, quando chegam perto da profissionalização, desistem do sonho para focar nos estudos.

Jhon Icaro Salles Carroquel, 16 anos, ganhou 13 títulos na base mas viu seu sonho de se tornar um profissional distante. "Decidi parar quando eu percebi que o nível técnico dos atletas da minha categoria estava muito elevado; então tomei esta decisão". Hoje, o multicampeão tem outros objetivos, priorizando um curso superior. "Pretendo finalizar o ensino médio este ano. Prestarei o vestibular buscando somar pontos importantes para entrar no curso de Educação Física".

Icaro não é um caso isolado, Felipe Augusto Fagundes Mendonça, 21 anos, hoje auxiliar administrativo, desistiu da bola depois de uma perda familiar. "Desanimei bastante e não estava em um clube que dava todo suporte; fazíamos a comida... é complicado". A partir de então, Felipe focou nos estudos. "Meu objetivo agora é estudar. Estou fazendo um curso técnico em agropecuária".

Felipe não se arrepende da escolha. "Não me arrependo de nada, pois a vida que tenho hoje é minha família. Tenho um filho, conheci minha esposa depois que parei com o futebol". Já Salles fala do importante apoio da família na decisão. "Não só apoiaram como estão me ajudando com suas experiências vividas", relata.

A saída do futebol para o ensino superior ou técnico está mais presente na vida dos jovens boleiros, sendo uma decisão quase unânime. Marcos Antonio Campagnollo, coordenador de base e técnico do time sub-20 do São Carlos, diz que em 90% dos casos de desistência, a sala de aula é o destino dos jovens atletas. "Acontece principalmente quando estão para se profissionalizar, existe uma certa pressão dos pais", relata campagnollo.

(Publicado em 8/3/2015 - 21h33)



Destaques:

Reportagens recentes:

Todas as reportagens

Reproduzir o conteúdo do site da Uniara é permitido, contanto que seja citada a fonte. Se você tiver problemas para visualizar ou encontrar informações, entre em contato conosco.
Uniara - Universidade de Araraquara / Rua Carlos Gomes, 1338, Centro / Araraquara-SP / CEP 14801-340 / 16 3301.7100 (Geral) / 0800 55 65 88 (Vestibular)
N /ageuniara/