Ageuniara

Campeão mundial em 2011, carateca de Araraquara busca o bi

Por: JONATAN LUAN DE OLIVEIRA DUTRA

05/10/2012

O carateca araraquarense Aguinaldo dos Santos, de 35 anos, está na fase final de preparação para um importante desafio. Ele vai à cidade de Carrara, na Itália, no final de outubro disputar, pelo segundo ano consecutivo, o Campeonato Mundial da modalidade.

Campeão em 2011, Aguinaldo espera repetir o feito neste ano. “Estou voltando de uma lesão agora, mas estamos trabalhando forte e a expectativa é grande. Espero fazer um grande campeonato e trazer o bi”, diz o atleta. Apaixonado por artes marciais desde pequeno, Aguinaldo começou a praticar Caratê com 13 anos, mas ainda lembra de seu primeiro campeonato. Foi um Paulista, com 15 anos, em que ficou em 3° lugar.

Aos 19 anos, Aguinaldo teve outro marco na sua trajetória de carateca. Participou pela primeira vez dos Jogos Regionais e foi então que começou a representar Araraquara nas competições. “Faz 23 anos que eu luto caratê, hoje sou professor e é muito gratificante ensinar aos mais jovens essa arte tão rica”, diz Aguinaldo.

Para chegar ao Mundial, o atleta teve de vencer o Campeonato Paulista e conquistar uma vaga no Brasileiro, tornar-se Campeão Brasileiro e conseguir um lugar no Mundial. “Já que a nossa modalidade não é olímpica, qualquer atleta quer chegar ao Mundial; é o topo do Caratê. E chegar lá e ser campeão é um sentimento sensacional”, relata. Segundo ele, a modalidade já foi aceita no comitê olímpico e no ano de 2000, o caratê entrou como esporte de demonstração. “Porém para uma modalidade entrar nas olímpiadas, outra tem que sair”, explica.

O atleta tem um currículo invejável - sagrou-se três vezes Campeão Brasileiro, tem sete medalhas de ouro nos Jogos Regionais e seis vezes foi ao lugar mais alto do pódio no Campeonato Paulista. Junto a tudo isso, ele tem ainda uma medalha de bronze no Campeonato Pan-Americano em Lima, no Peru, em 1997, e o título Mundial em 2011.

Classificado automaticamente por ser o atual campeão, Aguinaldo abriu mão do Brasileiro, que será realizado na primeira quinzena de outubro deste ano, para chegar forte ao Mundial. “Estou me preparando dia-a-dia para estar pronto e trazer mais uma medalha de ouro para o Brasil e, claro, para Araraquara”, afirma.

Apesar de representar a cidade com garra, determinação e bons resultados, ele ficou de fora de um campeonato internacional em abril, em Las Vegas, por falta de patrocínio. “É dificuldade que muitas modalidades por aí enfrentam e com o caratê não é diferente”, explicou.

Neste ano, Aguinaldo não irá sozinho. A carateca Roberta Machado, que já disputou o mundial e ficou em 5° lugar, terá uma nova oportunidade. “A expectativa é grande, até pela segunda oportunidade que estou tendo. Espero estar entre as três, mas o objetivo maior é o título”, diz Roberta, que conquistou a vaga no ano passado ao ser campeã brasileira.

O treinador da dupla, Edson Rogério Petroni, também está na expectativa dos dois atletas conseguirem a medalha de ouro. “Nós estamos numa ansiedade muito grande, até pelo Aguinaldo estar voltando de lesão, mas esperamos que ele faça um grande campeonato e conquiste o bi. A Roberta vai ter sua segunda oportunidade e esperamos que ela consiga estar entre as três, mas o objetivo é sempre o título”, avalia.

A dupla viaja no dia 29 de outubro. O campeonato começa no dia 1º e vai até 4 de novembro.

Destaques:

Reportagens recentes:

Todas as reportagens

Reproduzir o conteúdo do site da Uniara é permitido, contanto que seja citada a fonte. Se você tiver problemas para visualizar ou encontrar informações, entre em contato conosco.
Uniara - Universidade de Araraquara / Rua Carlos Gomes, 1338, Centro / Araraquara-SP / CEP 14801-340 / 16 3301.7100 (Geral) / 0800 55 65 88 (Vestibular)
N /ageuniara/