mostrar mensagem ]

Comunicados Oficiais - UNIARA (COVID-19)

Em virtude da pandemia global de COVID-19, as atividades da Universidade de Araraquara - Uniara sofreram alterações.

Clique aqui e confira todos os comunicados oficiais da Instituição.

ocultar ]

UNIARA

Ageuniara

São Carlos oferece espaço para deficientes visuais

Por: LUIS GUSTAVO RIZZO

25/05/2010

A prefeitura de São Carlos (SP), por meio do Sistema Integrado de Bibliotecas de São Carlos (SIBI), oferece cursos para pessoas com deficiência visual interessadas em aprender o método Braille, soroban (instrumento para cálculos matemáticos) e informática Dosvox (programa que transforma textos em arquivo de áudio).

No Espaço Braille são disponibilizados 1,6 mil volumes em Braille, como dicionários, Atlas, literatura infantil, juvenil, ficção, romance, poesia, além de livros didáticos nas áreas de informática, química, matemática, ciências, entre outros.

Para a diretora do SIBI,Claudete Sacomano, programas como esses visam valorizar a qualidade de vida das pessoas com deficiência visual.“No espaço Braille, oferecemos, ainda, o serviço de orientação e mobilidade. Uma professora, especialista na área, ensina as pessoas com deficiência visual a utilizarem bengala e se locomoverem sozinhas pela cidade”,informa.

Além dos cursos, os usuários têm acesso aos equipamentos especializados, como máquina e impressora de Braille, computadores softwares como o Dosvox, Winbraille, NonVisual Desktop Access, que possuem sintetizador de voz, editor, leitor e impressor conversor de textos para Braille.

O Espaço Braille pode ser considerado um local que permite à pessoa com deficiência visual, uma convivência importante para o desenvolvimento de suas atividades de acesso e uso da informação.

O bom exemplo é o estudante Dorival Piccolo, que ficou cego depois dos 30 anos, mas isso não diminui a vontade de conhecer o curso. “Nada tira o prazer de você pegar um livro, recém impresso, sentir o cheirinho do papel novo... e pegar esse livro e lê-lo.Os áudio books têm sua importância, mas com essa mudança, é muito importante você ler um livro hebraico”, completa.

Além de oferecer os cursos, a prefeitura disponibiliza, gratuitamente, o transporte para os deficientes visuais interessados em freqüentar o Espaço.

Luis Fernando Rodrigues, deficiente visual, foi convidado pela professora de mobilidade, a participar da aula."Acredito que esta é a fase da vida, em que eu vou conseguir mais resultados.Nós deficientes visuais, iremos nos reintegrar à sociedade, ou seja, nós somos cegos dos olhos e não do cérebro”,completa ele ao destacar as possibilidades que hoje são oferecidas ao deficiente visual.

O Espaço foi criado com a idéia de valorizar o ser humano, que tem como objetivo a aprendizagem, constituindo-se como fator de integração social altamente benéfico para o deficiente visual, sendo também um espaço para lazer, entretenimento e formação.

O Espaço Braille está localizado na Rua Conde do Pinhal, 2.041, no prédio do antigo Instituto Adolfo Lutz. O horário de funcionamento é de segunda à sexta-feira, das 8h às 12h e das 13h às 18h. O telefone é (16) 3364-2602



Destaques:

Reportagens recentes:

Todas as reportagens

Reproduzir o conteúdo do site da Uniara é permitido, contanto que seja citada a fonte. Se você tiver problemas para visualizar ou encontrar informações, entre em contato conosco.
Uniara - Universidade de Araraquara / Rua Carlos Gomes, 1338, Centro / Araraquara-SP / CEP 14801-340 / 16 3301.7100 (Geral) / 0800 55 65 88 (Vestibular)
N /ageuniara/