Ageuniara

Projeto Saúde na Praça melhora qualidade de vida na terceira idade.

Por: CLAUDIA ROBERTA PEREIRA

12/05/2009

O Projeto Saúde na Praça é coordenado pelo professor e preparador físico Paulo Moraes. Atualmente beneficia cerca de 1.400 moradores de Araraquara com mais 60 anos.

Os programas regulares de exercícios físicos, como a ginástica geral e ginásticas de tradição chinesa do tipo Lian Gong, trazem benefícios em qualquer idade. Mas para idosos, eles se multiplicam.

“O simples fato de se praticar algum tipo de atividade física já melhora muito a qualidade de vida de pessoas da terceira idade. O Projeto é direcionado aos idosos com hipertensão, diabetes e problemas reumáticos, a fim de amenizá-los ou até mesmo solucioná-los”, enfatiz Moraes.

As principais mudanças decorrentes do envelhecimento são aumento na quantidade de gordura no organismo, diminuição da força muscular, ligamentos e tendões mais fracos, redução dos reflexos e diminuição da coordenação e habilidade motora. Com isso, as pessoas apresentam menos equilíbrio e ficam sujeitas a quedas. Dependendo do caso, uma queda pode resultar em uma fratura normalmente grave, devido à diminuição da massa óssea, processo conhecido como osteoporose.

Dona Maria do Rosário, de 67 anos, faz parte do Projeto faz pouco mais de seis meses e se diz satisfeita com os resultados. “Eu não conseguia andar um quarteirão, tinha muito medo de cair porque meus ossos estavam fracos por causa da osteoporose. Além disso, eu tinha problemas cardíacos. Depois que minha filha me inscreveu no Projeto eu me sinto outra pessoa. Nunca mais caí e me sinto revigorada e forte”, conta.

O professor Paulo Moraes explica, ainda, como as atividades ajudam a atenuar a obesidade. “O combate à obesidade evita e retarda o surgimento de diabetes e melhora a capacidade de respiração. Os idosos praticantes melhoram cerca de 70% o nível de gordura no sangue e corporal. Os exercícios provocam a queda dos triglicérides e do colesterol, que são medidos periodicamente para controle. A diminuição da obesidade influencia na melhor condição de vida para as pessoas com mais de 60 anos”, lembra o professor Moraes.

Era o caso de dona Eliza, 72 anos, que sofria muito com a obesidade. “Eu era muito gorda, por isso fiquei sedentária. Não tinha vontade de nada e vivia cheia de problemas cardíacos e respiratórios, colesterol alto e inchaço. Depois que comecei a praticar a ginástica perdi cinco quilos e tive uma diminuição na gordura sanguínea e do meu corpo também”, relata, contente.

Outra vantagem importante de se praticar exercícios na terceira idade é a elevação da auto-estima e melhora da depressão, problemas frequentes nessa idade. "Os idosos que praticam esportes se sentem mais bonitos e independentes. A atividade física pode atuar produzindo agradável sensação de bem estar, estimulando a auto-estima pela superação de pequenos desafios e, consequentemente, diminuindo a depressão", conclui Paulo.

O Projeto Saúde na Praça é totalmente gratuito e acontece todas as segundas e quartas-feiras, das 7h30 às 8h30 nos mais de 60 pontos de ginástica distribuídos nos bairros de Araraquara. Os interessados em participar do programa devem entrar em contato com a FUNDESPORT, pelos telefones 3331-1854 ou 3331-4866.

Destaques:

Reportagens recentes:

Todas as reportagens

Reproduzir o conteúdo do site da Uniara é permitido, contanto que seja citada a fonte. Se você tiver problemas para visualizar ou encontrar informações, entre em contato conosco.
Uniara - Universidade de Araraquara / Rua Carlos Gomes, 1338, Centro / Araraquara-SP / CEP 14801-340 / 16 3301.7100 (Geral) / 0800 55 65 88 (Vestibular)
N /ageuniara/