mostrar mensagem ]

Comunicados Oficiais - UNIARA (COVID-19)

Em virtude da pandemia global de COVID-19, as atividades da Universidade de Araraquara - Uniara sofreram alterações.

Clique aqui e confira todos os comunicados oficiais da Instituição.

ocultar ]

UNIARA

Ageuniara

Grupo de Óptica recebe pesquisador americano

Por: KLEBER JORGE SAVIO CHICRALA

15/08/2005

O pesquisador americano e professor da Université Paul Sabatier em Toulouse( França),John Weiner está em São Carlos (SP). Ele desenvolve pesquisas juntamente com os pesquisadores do Centro de Pesquisa em Óptica e Fotônica (Cepof) da Universidade de São Paulo (USP) local.

O coordenador do Cepof (USP) professor Vanderlei Salvador Bagnato acredita que este tipo de interação fortalece as pesquisas brasileiras e contribui para o desenvolvimento do país.

O pesquisador estrangeiro é Ph.D. pela Universidade de Chicago (USA), e membro de diversas instituições de ensino e pesquisas do exterior, a exemplo da National Science Foundation – Washington (USA) e da Société Française de Physique (França).

O professor Weiner vem colaborando com o Grupo de Óptica(USP) nesta área de vanguarda, envolvendo colisões atômicas com átomos frios, entendo assim a natureza da matéria.

Através de técnicas modernas,os átomos tem seu movimento controlado por luz, permitindo assistir o encontro de dois átomos individualmente, formando assim as chamadas moléculas.

Segundo o professor Weiner, o grupo de Óptica da USP de São Carlos é pioneiro mundial no tema, e recentemente propôs novas alternativas no estudo científico da formação de moléculas.

"Durante a estadia do professor estrangeiro, em São Carlos, os pesquisadores do Instituto de Física poderão interpretar os últimos resultados das pesquisas no exterior, chegando a importantes contribuições para a matéria ultra-fria", afirma Bagnato.

Weiner explica: “Tenho muita satisfação em desenvolver trabalhos de pesquisa com os professor Vanderlei Bagnato e com Dr. Marcassa, devido as contribuições mundialmente reconhecidas nesta área pesquisada”. Ele considera as pesquisas brasileiras de alto nível.

Entendendo a natureza primária da matéria através dos átomos o pesquisador poderá acrescentar aos conceitos criados por importantes cientistas, a exemplo de Einsten, e contribuir para o avanço da ciência em diferentes áreas, a exemplo do tratamento do câncer na área da saúde.

A pesquisa acaba por criar novos materiais e diversas formas de aplicação destas inovações, como o entendimento da interação luz e a pele humana, onde o resultado final é a biópsia óptica.

A vantagem da biópsia óptica, por exemplo, vem do entendimento de como a luz emitida de um tecido pode apontar a presença de um tumor maligno. Onde a vantagem está na rapidez do diagnóstico, ajudando assim na eficiência do tratamento.



Destaques:

Reportagens recentes:

Todas as reportagens

Reproduzir o conteúdo do site da Uniara é permitido, contanto que seja citada a fonte. Se você tiver problemas para visualizar ou encontrar informações, entre em contato conosco.
Uniara - Universidade de Araraquara / Rua Carlos Gomes, 1338, Centro / Araraquara-SP / CEP 14801-340 / 16 3301.7100 (Geral) / 0800 55 65 88 (Vestibular)
N /ageuniara/