Ageuniara

São Carlos desenvolve programa de controle de pombos

Por: GEZIELLEN TEREZA DA SILVA

03/06/2005

A prefeitura de São Carlos, (SP), em parceria com empresas e entidades de proteção ambiental e animal da cidade, desenvolvem o programa “Manejo e Controle de Pombos Urbanos".

O objetivo é proporcionar aos profissionais, da área de educação e à população, informações sobre as principais características dos pombos, as doenças que eles transmitem e as formas de controle e manejo de sua população.

Segundo a assessoria de imprensa da prefeitura, o intuito é controlar a população dos pombos e conscientizar a pessoas sobre os problemas que podem causar, tanto na saúde quanto ao meio ambiente.

De acordo com o ambientalista Paulo Mancini, Diretor do Departamento de Política Ambiental da Secretaria Munícipal de Desenvolvimento Sustentavel, Ciência e Tecnologia e um dos responsáveis pelo programa "a população deve se conscientizar que ser vaidoso, dando milho aos pombos nao é virtude nem para a pessoa, nem para os pombos. Isso só faz com que o número de aves aumentem e seu tempo de vida diminua", alerta.

Segundo ele, o programa tem uma grande importância pedagógica. “Os problemas são complexos e não adianta só uma pessoa tomar os devidos cuidados. A comunidade, como um todo, deve se conscientizar" afirma Mancini.

"Estamos muito satisfeitos com o desenvolvimento deste programa, a população teve uma resposta muito rápida e muitas pessoas nos procuram para fala sobre o mesmo. A repercussão superou nossas expectativas nas primeiras semanas" informa.

O munícipe Sebestião de Almeida Martins, afirma ser freqüentador da praça Coronel Sales, localizada no centro da cidade, popularmente conhecida como “praça das pombas”.

Para dele o programa está sendo bem divulgado. "Antes de saber o perigo das pombas para a saúde, trazia meus netos para brincar e tratar dos pombos, mas hoje estou consciente e não quero correr esse risco, só passo pela praça para buscar meus netos na escola" afirma.

Segundo a cartilha “Manejo de Pombos Urbanos”elaborada pela prefeitura, em parceria com empresas e entidades de proteção ambiental e animal, os pombos urbanos são animais silvestres, mas devido aos danos ambientais causados pelo homem, perdem seu espaço na natureza, adaptando-se facilmente aos centros urbanos pelo fato de encontrarem abrigo e uma grande oferta de alimentos.



Destaques:

Reportagens recentes:

Todas as reportagens

Reproduzir o conteúdo do site da Uniara é permitido, contanto que seja citada a fonte. Se você tiver problemas para visualizar ou encontrar informações, entre em contato conosco.
Uniara - Universidade de Araraquara / Rua Carlos Gomes, 1338, Centro / Araraquara-SP / CEP 14801-340 / 16 3301.7100 (Geral) / 0800 55 65 88 (Vestibular)
N /ageuniara/