Notícias

Ex-aluna de Biologia da Uniara faz levantamento de espécies vegetais do Instituto Florestal de Araraquara

Publicado em: 24/02/2016

A ex-estudante do curso de Biologia do Centro Universitário de Araraquara – Uniara, Jaqueline Aparecida Vicente Pizoletto, recentemente formada, apresentou como Trabalho de Conclusão de Curso – TCC o “Levantamento Florístico e Fitossociológico de Fragmentos de Cerrado do Instituto Florestal no Município de Araraquara – SP”, orientado pela professora Flávia Cristina Sossae e coorientado por Maurício Alonso, do Instituto Florestal.

Ela conta que o estudo é voltado à coleta de dados para analisar as espécies vegetais presentes naquele ambiente e a sua importância para o ecossistema. “Levantamento florístico consiste na identificação das espécies vegetais presentes no ambiente. Já o fitossociológico analisa fatores como abundância, densidade, índice de valor de importância e ainda similaridade, para avaliar a estrutura e o equilíbrio no qual esse ambiente se apresenta”, explica.

Como resultados, a ex-aluna comenta que os fragmentos estudados apresentaram 44 espécies pertencentes a 26 famílias, “o que pode ser considerado um resultado satisfatório em riqueza de espécies”. “Porém, ao fazer uma análise mais crítica, é possível verificar que essa riqueza de espécies se concentra em apenas três parcelas das doze que foram estudadas, mostrando uma homogeneidade das espécies nos fragmentos. No segundo fragmento, pode-se notar que houve uma perturbação no ambiente, que resultou em uma menor abundância de indivíduos”, detalha.

Entretanto, Jaqueline destaca que os indivíduos adultos presentes são bastante relevantes para a regeneração da vegetação. “Esses resultados mostram o quanto é importante investir na preservação e na educação ambiental, para que se promova a conservação das espécies e para que os ambientes perturbados possam se restabelecer”, diz.

Esse tipo de pesquisa visa, segundo a ex-estudante, “a servir de base para elaboração de projetos de conservação e restauração de áreas degradadas, auxiliando na preservação da flora e fauna ameaçadas ou vulneráveis a extinção”.

A escolha do tema, a princípio, se deu por ela achar que trabalhar com plantas seria mais fácil, mas ao longo do estudo, percebeu que não é uma área tão simples. “Dessa forma, passei olhar para a vegetação com mais atenção. Então percebi que plantas são essenciais para manutenção da vida e que conhecê-las mais de perto ajudaria a protegê-las da devastação, e ainda contribuir para que futuras pesquisas na região avaliem o quanto o bioma foi recuperado”, ressalta.

Cursar a graduação de Biologia da Uniara superou suas expectativas, de acordo com Jaqueline. “Professores qualificados e com diferencial transmitiram o conhecimento de forma eficiente e muito satisfatória. Aulas e atividades extraclasse também contribuíram substancialmente para minha formação profissional. Além disso, a instituição proporcionou para mim e meus colegas a realização de pesquisas de caráter relevante para o meio acadêmico. Todos esses elementos foram ainda mais marcantes contando com a participação ativa de funcionários engajados e muito dedicados, em especial nossa querida coordenadora Teresa Kazuko Muraoka, que fez de tudo e mais um pouco para que nossa passagem pela Uniara fosse única”, finaliza.

Informações sobre a graduação podem ser obtidas no endereço www.uniara.com.br ou pelo telefone 0800 55 65 88.

Últimas notícias:

Busca

Assessoria de imprensa
assimprensa@uniara.com.br
16 3301 7142
Reproduzir o conteúdo do site da Uniara é permitido, contanto que seja citada a fonte. Se você tiver problemas para visualizar ou encontrar informações, entre em contato conosco.
Uniara - Universidade de Araraquara / Rua Carlos Gomes, 1338, Centro / Araraquara-SP / CEP 14801-340 / 16 3301.7100 (Geral) / 0800 55 65 88 (Vestibular)
N /