Ageuniara

DeMolay de Ibitinga adere à caminhada Passos que Salvam

Por: NAIRA SUÉLEN DE MORAIS

28/10/2016

O DeMolay capítulo estrela de Ibitinga, em parceria com o Hospital do Câncer de Barretos realizará no dia 27 de novembro, a partir das 9h,  a caminhada “Passos que Salvam”. Todos os municípios que aderirem à campanha deverão realizar a caminhada no mesmo dia e horário.

A data foi escolhida justamente por ser o domingo mais próximo do dia 23 de novembro, o “Dia Nacional de Combate ao Câncer Infantil”.

De acordo com o presidente do DeMolay, Daniel Bocca, a campanha já é realizada há alguns anos pelos membros do estado de São Paulo. “Participamos da caminhada do ano passado em Itápolis para saber como funcionava e resolvemos abraçar a ideia. Este ano fizemos uma visita ao Hospital e nos colocamos à disposição para ajudar”.

A campanha  terá o apoio de três médicos da cidade: pediatra, oncologista e clinico geral. Como o alvo principal da campanha é a prevenção do câncer infantil, serão promovidas reuniões com professores informando os sintomas da doença. Geralmente os professores, por terem mais contato com as crianças, acabam percebendo e podem ajudar no diagnóstico precoce do câncer.  “A intenção é conseguir investir pesado na divulgação para vender o maior número de kits que tem o valor padronizado de R$ 30; toda a arrecadação será revertida no tratamento das crianças”, ressalta Daniel.

Segundo Luiz Fernando Lopes, médico e diretor da ala pediátrica do Hospital de Barretos, a renda será revertida no tratamento das crianças, no fortalecimento da pesquisa clínica dos tumores e também na área de pesquisa genéticas baseadas no conceito de terapia-alvo, tratamento geneticamente personalizado para aumentar as taxas de cura, explica o médico.

A “Caminhada Passos que Salvam” foi trazida dos Estados Unidos (EUA) onde, com diagnóstico precoce, cerca de 90 a 95% das crianças e adolescentes diagnosticados com câncer são curadas, enquanto no Brasil apenas 50 a 55% das crianças são salvas.

De acordo com o Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (INCA), estima-se que ocorrerão cerca de 12.600 casos novos de câncer em crianças e adolescentes no Brasil por ano em 2016. Atualmente o câncer infantojuvenil é a primeira causa de mortes por doença, após 1 ano de idade e até o final da adolescência. São prováveis causas dessa taxa a falta de informações da população, medo do diagnóstico ou até desinformação de médicos. 

O objetivo da caminhada é alertar e conscientizar a população do Brasil para o diagnóstico precoce do câncer infantojuvenil, realizando a Caminhada que acontece simultaneamente em mais de 400 cidades de 15 estados. A primeira caminhada foi realizada em 2012, em 21 cidades de dois estados.

O projeto ainda capacita os médicos de todas as cidades participantes. E esses médicos têm a missão de avaliar as crianças que apresentam os primeiros sinais e sintomas, e terão acesso direto à equipe médica do Hospital do Câncer de Barretos para envio de exames e discussão de casos. O propósito é agilizar o início do tratamento.

Os primeiros sintomas 

Existem diferentes sinais que podem ser associados a algum tipo de câncer em crianças e jovens: dores de cabeça pela manhã e vômito; caroços no pescoço, nas axilas e na virilha, ínguas que não resolvem; dores nas pernas que não passam e atrapalham as atividades das crianças; manchas arroxeadas na pele, como hematomas ou pintinhas vermelhas; aumento de tamanho da barriga; brilho branco em um ou nos dois olhos quando a criança sai em fotografi­as com flash.

Os cânceresmais frequentes na infância são: retinoblastoma, leucemia, tumores no sistema nervoso central, linfoma não Hodgkin, neuroblastona, Tumor de Wilms, sarcomas de partes moles e tumores ósseos.

Informações

A cidade com interesse em participar da caminhada “Passos que Salvam” deve entrar em contato com o setor de captação de recursos e desenvolvimento do Hospital de Câancer de Barretos.

Contato: passosquesalvam@hcancerbarretos.com.br

Tel: (17)3321-6600 Ramal 7169

(Publicado em 31/10/2016 - 23h24)



Destaques:

Reportagens recentes:

Todas as reportagens

Reproduzir o conteúdo do site da Uniara é permitido, contanto que seja citada a fonte. Se você tiver problemas para visualizar ou encontrar informações, entre em contato conosco.
Uniara - Universidade de Araraquara / Rua Carlos Gomes, 1338, Centro / Araraquara-SP / CEP 14801-340 / 16 3301.7100 (Geral) / 0800 55 65 88 (Vestibular)
N /ageuniara/