202009280800

mostrar mensagem ]

AVISO DE PRIVACIDADE

A proteção dos seus dados pessoais é importante para nós. Adotamos as melhores técnicas para deixar esse site seguro. Estamos atualizando nossa política de privacidade e termos de uso do site. Em breve, ela estará aqui para você saber o que fazemos com os dados pessoais que coletamos e como protegemos suas informações.

ocultar ]

mostrar mensagem ]

Comunicados Oficiais - UNIARA (COVID-19)

Em virtude da pandemia global de COVID-19, as atividades da Universidade de Araraquara - Uniara sofreram alterações.

Clique aqui e confira todos os comunicados oficiais da Instituição.

ocultar ]

UNIARA

Ageuniara

Andar de ônibus pode ser mais caro que de moto em Araraquara

Por: DANIEL SIDNEI MASTROIANO

20/04/2012

Com o aumento do dia 26 de fevereiro, a tarifa do transporte público em Araraquara passou de R$ 2,50 para R$ 2,70. Assim, andar de ônibus na cidade pode ser mais caro do que financiar a compra de uma motocicleta zero quilômetro.

O morador da cidade, que utiliza pelo menos seis vezes por semana o transporte público, pode gastar aproximadamente o valor de R$ 260,00 por mês, quantia superior à parcela mensal do financiamento dos modelos mais acessíveis da maioria das marcas de motocicletas disponíveis no mercado.

A média do valor das parcelas do financiamento dos modelos básicos de motocicletas, nas três principais concessionárias da cidade, é de R$ 200,00, ou seja, valor 26% menor que a média mensal dos gastos com o transporte público.

Caso a pessoa faça a opção por um consórcio, o valor da parcela pode cair até pela metade, porém existe a desvantagem da espera pelo sorteio para receber o bem.

Além de ser um veículo ágil, o que significa economia de tempo, a moto ainda leva vantagem mesmo considerando o gasto com combustível no período de um mês, pois o veículo é considerado econômico. Algumas motocicletas podem percorrer até 40 km com apenas um litro de combustível, o suficiente para a maioria das pessoas cumprirem a jornada diária até o trabalho.

Reflexo da qualidade ruim do transporte público na maioria das cidades brasileiras é o aumento do número de vendas do veículo de duas rodas. As principais concessionárias de motos de Araraquara registraram em média, no ano de 2011, um crescimento de 33% por cento em relação a 2009.

Pedro Soares, gerente da concessionária autorizada de uma conhecida fabricante de motocicletas, afirma que “boa parte dos clientes compra uma moto para fugir do transporte público”.

A consequência da facilidade para adquirir uma moto é a diminuição do uso do ônibus na cidade. A companhia responsável pelo transporte público em Araraquara tem registrado consecutivas quedas no número de passageiros transportados.

No ano de 2009, o transporte coletivo foi utilizado 14 milhões e 52 mil vezes. Em 2010, os passageiros usaram 14 milhões e 331 mil vezes o transporte urbano. Já no ano de 2011, o ônibus foi utilizado pela população 13 milhões e 655 mil vezes, quase 400 mil vezes menos que dois anos antes.

Destaques:

Reportagens recentes:

Todas as reportagens

Reproduzir o conteúdo do site da Uniara é permitido, contanto que seja citada a fonte. Se você tiver problemas para visualizar ou encontrar informações, entre em contato conosco.
Uniara - Universidade de Araraquara / Rua Carlos Gomes, 1338, Centro / Araraquara-SP / CEP 14801-340 / 16 3301.7100 (Geral) / 0800 55 65 88 (Vestibular)
N /ageuniara/