mostrar mensagem ]

Comunicados Oficiais - UNIARA (COVID-19)

Em virtude da pandemia global de COVID-19, as atividades da Universidade de Araraquara - Uniara sofreram alterações.

Clique aqui e confira todos os comunicados oficiais da Instituição.

ocultar ]

UNIARA

Ageuniara

São Carlos implanta novo sistema de hidrômetro

Por: KALIL FAUAZ

16/04/2007

O Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE) e a prefeitura de São Carlos implantaram um novo sistema de lacre numerado nos hidrômetros. O objetivo é evitar fraudes e assegurar a integridade do equipamento para que o hidrômetro não seja trocado sem que o SAAE seja informado.

Este procedimento está sendo realizado através de novas ligações e religações de água, mas a meta é trocar todos os hidrômetros da cidade.“Infelizmente, muitas pessoas mal-intencionadas perfuram ou invertem o registro de leitura para fraudar o equipamento assim não sendo possível realizar a leitura correta, fator que acaba dando prejuízo aos cofres públicos”, afirma o diretor-geral do SAAE, Eduardo Cotrim.

Segundo ele,esse sistema além de comprovar alguma violação vai permitir um controle no Setor de Hidrometria sobre os aparelhos instalados nas residências.

De acordo com Cotrim,após ser instalado o lacre no cavalete, o usuário e o funcionário do SAAE responsável pela Ordem de Serviço terão que assinar um boletim de aviso, que constará a data de colocação, o cadastro da conta e o número seqüencial do lacre.

Com estes dados será possível organizar e controlar o consumo e também emitir relatórios periódicos divididos pelas regiões da cidade.“O sistema vai facilitar os trabalhos de outros setores, que através de um consulta geral poderá planejar uma fiscalização por setor,por bairros,ou pesquisar o cadastro geral com mais precisão”,explica.

O usuário se precisar romper o lacre para uma posterior manutenção no cavalete,deve comunicar imediatamente o SAAE, pelo telefone 0800-111-064. Depois que o SAAE for comunicado, o setor de fiscalização tem o prazo de dois dias para vistoriar e recolocar outro lacre numerado, sem custo algum.

O usuário que não informar sobre o rompimento do lacre, será considerado violação e terá que pagar uma multa de R$ 31,02 que será cobrado em sua próxima conta mensal de água e esgoto.

“A participação e conscientização da população neste projeto é de fundamental importância, pois, combatendo as fraudes e as ligações clandestinas, o SAAE terá mais poder de investimentos para realizar obras e melhorias”, analisa Cotrim.

Repercussão

Carlos Roberto Coutinho, que é comerciante e morador da Vila Marina diz ser contra a troca dos hidrômetros porque trocaram na casa de um amigo dele e o hidrômetro deu problema de marcar água a mais."Também quando o hidrômetro está desligado o marcador com os números ficam rodando",diz.

Outra moradora, a aposentada Lurdes ( que preferiu não divulgar o sobrenome),de 67 anos, afirma que, para ela, tanto faz trocar ou não o hidrômetro."Desde quenão prejudique na conta e o hidrômetro não marque a mais, não tenho nada conta", observa.

Ela diz que seria melhor que apenas trocasse os hidrômetros que estivessem violados, não funcionando direito, quebrados ou com o visor que estivessem com dificuldade de leitura. "E também se não for colocado em conta para o dono da residência pagar",completa.



Destaques:

Reportagens recentes:

Todas as reportagens

Reproduzir o conteúdo do site da Uniara é permitido, contanto que seja citada a fonte. Se você tiver problemas para visualizar ou encontrar informações, entre em contato conosco.
Uniara - Universidade de Araraquara / Rua Carlos Gomes, 1338, Centro / Araraquara-SP / CEP 14801-340 / 16 3301.7100 (Geral) / 0800 55 65 88 (Vestibular)
N /ageuniara/