mostrar mensagem ]

Comunicados Oficiais - UNIARA (COVID-19)

Em virtude da pandemia global de COVID-19, as atividades da Universidade de Araraquara - Uniara sofreram alterações.

Clique aqui e confira todos os comunicados oficiais da Instituição.

ocultar ]

UNIARA

Ageuniara

Parceria diminui vandalismo em Boa Esperança do Sul

Por: WILLIAN GUILHERME DE OLIVEIRA

26/08/2005

Desde o início do ano algumas escolas de Boa Esperança do Sul(SP) buscam parcerias junto à comunidade para alavancar projetos culturais e sociais na cidade, além de tentar diminuir os índices de vandalismo e violência entre alunos e moradores do município.

A iniciativa que começou com a direção das escolas e que hoje tem apoio da população vem gerando resultados e instigando outros colégios do município a fazerem o mesmo.

A escola municipal “Vereador Antônio Jarbas Beraldo” foi a precursora da iniciativa e hoje conta com dezenas de alunos e voluntários que ajudam na conservação da escola e que mantém algumas oficinas culturais dentro da instituição.

Os líderes do movimento Hip-Hop da cidade, José Márcio da Silva e Cleiton Rodrigo de Castro tiveram autorização da direção e da prefeitura municipal para grafitar e pintar as paredes externas da escola com a arte e estilos do movimento e as paredes internas com desenhos da história e do folclore do país.

“É uma união que deu certo. A gente ajuda a escola e a escola ajuda a gente” diz o grafiteiro Cleiton enquanto pintava uma das paredes.

Segundo a diretora Juceli Castro de Lucca, os grafiteiros têm as chaves da escola e possuem livre acesso a instituição. “Eles só vieram a somar. Depois que agente iniciou este projeto, tivemos uma redução de quase 80% no número de casos de vandalismo dentro da escola” diz a diretora.

Juceli destaca ainda a participação dos pais dos alunos nas decisões tomadas pela instituição. “A escola se tornou o coração do bairro, todos nos procuram e nós ajudamos na medida do possível”, afirma a diretora.

A escola abre espaço ainda para que os moradores usem as quadras poli esportivas durante a noite e aos finais de semana, o que fez com que a população do bairro criasse dois times de futebol, o Real Sports Clube Juvenil e o Revelação Futebol Clube que tem como atletas moradores do local e jovens carentes da comunidade que já disputaram e venceram inúmeros torneios na região.

A escola conta ainda com professores voluntários que dão aulas de música, dança, capoeira, futebol e grafite. “Eles mesmos se organizam e fazem as turmas, nós só damos o suporte necessário para que eles possam seguir em frente com a iniciativa que só trouxe resultados positivos até agora” diz Juceli.

Outra escola do município também investe no voluntariado como forma de unir escola e comunidade. O “Projeto de Mãos Dadas” da escola municipal “Professora Ana da Cunha Vianna”,por exemplo, conta com aulas de dança e defesa pessoal e já tem planos para aumentar o número de oficinas e de alunos atendidos.

De acordo com um dos criadores do projeto o carateca Fábio Ramos a intenção é cada vez mais atrair o jovem para o bem e contribuir para a formação do seu caráter.

Os projetos sociais desenvolvidos pelas comunidades juntamente com as escolas só vêm dando resultados positivos. De acordo com informações da direção das escolas o número de brigas entre alunos dentro e fora das instituições diminuíram mais de 50%.

“O medo de ser cortado das oficinas faz com que alunos antes rebeldes melhorem seu comportamento” relata Fábio. Outras escolas da cidade já contam com voluntários ligados a projetos maiores como o “Amigos da Escola” da Rede Globo de Televisão, mas nenhuma delas mantém cursos ou oficinas de apoio aos alunos e nem projetos culturais. Talvez o exemplo devesse ser seguido.



Destaques:

Reportagens recentes:

Todas as reportagens

Reproduzir o conteúdo do site da Uniara é permitido, contanto que seja citada a fonte. Se você tiver problemas para visualizar ou encontrar informações, entre em contato conosco.
Uniara - Universidade de Araraquara / Rua Carlos Gomes, 1338, Centro / Araraquara-SP / CEP 14801-340 / 16 3301.7100 (Geral) / 0800 55 65 88 (Vestibular)
N /ageuniara/