202009280758

mostrar mensagem ]

AVISO DE PRIVACIDADE

A proteção dos seus dados pessoais é importante para nós. Adotamos as melhores técnicas para deixar esse site seguro. Estamos atualizando nossa política de privacidade e termos de uso do site. Em breve, ela estará aqui para você saber o que fazemos com os dados pessoais que coletamos e como protegemos suas informações.

ocultar ]

mostrar mensagem ]

Comunicados Oficiais - UNIARA (COVID-19)

Em virtude da pandemia global de COVID-19, as atividades da Universidade de Araraquara - Uniara sofreram alterações.

Clique aqui e confira todos os comunicados oficiais da Instituição.

ocultar ]

UNIARA

Ageuniara

Ibaté registra crescimento populacional

Por: JOSEANE APARECIDA DE FATI BORRI

16/09/2004

Ibaté (SP) registra alta na taxa de crescimento populacional. Ocupa o segundo lugar na região Central do Estado de São Paulo. Como as administrações municipais e também a economia local não têm conseguido dar resposta a este fenômeno, o aumento de moradores na cidade tem como consequência uma explosão de problemas sociais.

De acordo com publicações oficiais da Secretaria do Estado de Planejamento, o Centro Paulista, formado por 26 municípios, possui uma taxa de crescimento demográfico de 1,82% ao ano. Ibaté apresenta uma taxa de 3,89%. Os dados se referem ao período entre 1991/2000.Américo Brasiliense (SP), primeira colocada, apresenta uma taxa de crescimento demográfico de 3,95% ao ano.

Na questão de Índice de Desenvolvimento Humano (IDH), os municípios de Araraquara (SP) e São Carlos (SP) lideram a região, com os melhores níveis de qualidade de vida. Ibaté tinha em 1980, uma população de 11.365 habitantes. No ano 2000 este número já havia saltado para 26.378 habitantes. Levando em consideração o índice publicado, Ibaté já teria ultrapassado a marca dos 30 mil habitantes.

Segundo o diretor do Departamento Municipal de Fazenda de Ibaté, Márcio Russit, a alta taxa de crescimento demográfico do município é resultado do processo migratório e é motivada pela posição estratégica da cidade e a estrutura rodoviária implantada. “São Carlos acaba absorvendo grande parte da mão-de-obra da população economicamente ativa que aqui reside”, diz.

Outros fatores, que de acordo com Russit influenciam no crescimento da população urbana, residem no fato de o custo de vida de Ibaté ser menor do que o de São Carlos, os valores dos imóveis aliados ao sonho da casa própria também motivam a procura pelo município, que acaba oferecendo opções mais em conta para a classe trabalhadora.

“Minha cidade de origem é São Paulo, mas moro em Ibaté há dois anos, me mudei para cidade porque acho que o custo de vida aqui é menor”, diz a moradora Sueli Carvalho.

Para Rossit, em 2010, Ibaté poderá ter uma população próxima dos 40 mil habitantes, fato que exigirá dos futuros administradores da cidade, grandes investimentos. “Será necessário ampliar a infra-estrutura, como saneamento básico, captação de água, tratamento de esgoto, asfalto, escolas, creches e geração de empregos”, finaliza ele.



Destaques:

Reportagens recentes:

Todas as reportagens

Reproduzir o conteúdo do site da Uniara é permitido, contanto que seja citada a fonte. Se você tiver problemas para visualizar ou encontrar informações, entre em contato conosco.
Uniara - Universidade de Araraquara / Rua Carlos Gomes, 1338, Centro / Araraquara-SP / CEP 14801-340 / 16 3301.7100 (Geral) / 0800 55 65 88 (Vestibular)
N /ageuniara/