mostrar mensagem ]

Comunicados Oficiais - UNIARA (COVID-19)

Em virtude da pandemia global de COVID-19, as atividades da Universidade de Araraquara - Uniara sofreram alterações.

Clique aqui e confira todos os comunicados oficiais da Instituição.

ocultar ]

UNIARA

Ageuniara

Jovens buscam paquera na Faculdade

Por: KELLY LEONORA PIOTTO

15/09/2004

Para os jovens a Faculdade não é apenas um lugar de estudos,mas também onde se pode conhecer pessoas, fazer amigos e paquerar. "É na faculdade que rola a maioria das paqueras", diz a aluna Andressa Carla da Silva que cursa o 4º ano do curso de Direito do Centro Universitário de Araraquara(Uniara).

Existem vários tipos de" paqueras" que rolam no ar. Segundo Paulo Queiroz, aluno que cura o 3º ano de direito, a paquera começa na hora do intervalo, na frente da Uniara - é uma espécie de troca de olhares apenas, depois vem a conversa, que geralmente acontece dentro da sala de aula. "Pode ser daí que surge uma paquera oficial", brinca Paulo, que namora uma colega de faculdade que cursa o 1º ano.

O par perfeito pode estar ao lado sem que se perceba.É o que aconteceu com a aluna Ariane Pandovane e Daniel Ribeiro Sigolo, cursam Jornalismo, na Uniara, há três anos e começaram a namorar no final do 1º ano.

Ambos disseram que não tinham notado um ao outro. Com o tempo, com as conversas e trabalhos em grupo, surgiu a paquera e depois o namoro.

Segundo Ariane , Daniel ficou mais comportado depois que começaram a namorar.Eles se dão muito bem, passam maior tempo juntos, mas as brigas são freqüentes devido a convivência.

"Na sala de aula sempre rola uma fofoca por parte dos colegas de classe, que sempre comentam , fofocam, aumentam os fatos e até vezes atrapalham", diz Daniel.

O casal de namorado pode também querer estudar o mesmo curso, ou por opinião própria ou por estar maior tempo ao lado um do outro. Foi o caso de Vitório que opinou por fazer o mesmo curso que a namorada só para ficar mais tempo ao lado dela .Não durou muito,pois brigavam muito e acabaram largando por causa da faculdade. Vitório diz também que percebeu que errou porque perde a liberdade e só reatou o namoro depois que a namorada não mais estudava na mesma sala.

Priscila e William , ambos de Matão(SP) começaram a namorar dentro do ônibus que os levam para faculdade. Priscila que cursa o 1º ano de Direito, na Uniara, diz que preferia que William, que cursa Engenharia de Computação, também na Uniara, fizesse Direito, assim ela não se preocuparia com ele lá fora e prestaria mais atenção na aula.

Segundo a psicóloga Maria Carolina T. Nogueira,de Araraquara(SP), existem pontos positivos e negativos para o namoro dentro da faculdade, um ponto positivo seria de um dar ao outro o incentivo de estudarem juntos, as conversas incomuns, os mesmos amigos, mesma turma e ambos sempre se sentiriam seguros em relação ao namoro.

"Um ponto negativo é que a convivência em excesso é desgastante e pode ocasionar brigas, com isso podem perder o respeito um com o outro",diz. Segundo ela , o casal de namorado jovem tem que ter liberdade e o namoro na faculdade tira um pouco dessa liberdade.



Destaques:

Reportagens recentes:

Todas as reportagens

Reproduzir o conteúdo do site da Uniara é permitido, contanto que seja citada a fonte. Se você tiver problemas para visualizar ou encontrar informações, entre em contato conosco.
Uniara - Universidade de Araraquara / Rua Carlos Gomes, 1338, Centro / Araraquara-SP / CEP 14801-340 / 16 3301.7100 (Geral) / 0800 55 65 88 (Vestibular)
N /ageuniara/