Notícias

Alunos de Fisioterapia da Uniara palestram sobre fibromialgia e dor crônica

Publicado em: 17/05/2018

Na segunda-feira, dia 14 de maio, alunos do curso de Fisioterapia da Universidade de Araraquara – Uniara ministraram a palestra “Fibromialgia e Educação em Dor Crônica”, sob orientação da professora Patrícia Regina Ramos Maraschi, na unidade I da instituição. A atividade foi realizada em função do “Dia Mundial de Conscientização e Enfrentamento à Fibromialgia” – 12 de maio.

“A professora Patrícia começou a falar sobre a fibromialgia, e o enfoque foi a dor crônica, que tem sido muito estudada, e queríamos passar isso para o público. Ela montou uma série de slides didáticos para que explanássemos sobre o assunto - os efeitos da dor crônica no corpo, sendo que, muitas vezes, a forma como o lado psicológico de um indivíduo se encontra no dia, acaba afetando-o e desencadeando a dor”, relata uma das palestrantes, Karen Simões Oliveira.

Ela afirma que gostou da experiência de ser uma das ministrantes da atividade. “Quando você começa a ver que os presentes estão interessados, consegue se sentir mais segura e o assunto flui melhor. Foi muito bom”, diz.

O calouro da graduação, Jonatan Henrique Pedroso, assistiu à atividade dos colegas e aprovou a palestra. “Foi interessante. É uma área que gosto bastante, e ver o quarto ano explanando foi motivador, sabendo que, futuramente, poderei ser eu quem estará dando uma palestra como essa. Também foi bacana ver que pessoas de fora da universidade e alunos de outros anos do curso também prestigiaram o evento”, comenta.

 

Fibromialgia

Patrícia explica que a fibromialgia é uma síndrome caracterizada por dor musculoesquelética difusa, “ou seja, em todo o corpo, em função de sua resposta de dor”. “É bem frequente, mas existem várias maneiras de tratamento, sendo que principalmente a educação em relação à dor crônica traz benefícios para que ela seja atenuada”, diz.

Existem diversas reflexões sobre as causas da síndrome, segundo ela. “Pode ser um fator genético ou psicossocial, como o estresse, por exemplo, ou uma condição de vida que pode gerar alteração na resposta de dor, como os medos, quando o cérebro, em reação a uma situação de perigo, pode responder como dor”, detalha.

A docente reforça que, além de tratamentos fisioterapêuticos, uma das abordagens que gera resultados é a educação. “Quando entendemos o que é, conseguimos conduzir a resposta corporal de maneira melhor, sendo que a fibromialgia é crônica. Por isso é importante ter materiais educativos nesse auxílio”, finaliza.

Informações sobre o curso de Fisioterapia da Uniara podem ser obtidas no endereço www.uniara.com.br ou pelo telefone 0800 55 65 88.

Últimas notícias:

Busca

Assessoria de imprensa
assimprensa@uniara.com.br
16 3301 7142
Reproduzir o conteúdo do site da Uniara é permitido, contanto que seja citada a fonte. Se você tiver problemas para visualizar ou encontrar informações, entre em contato conosco.
Uniara - Universidade de Araraquara / Rua Carlos Gomes, 1338, Centro / Araraquara-SP / CEP 14801-340 / 16 3301.7100 (Geral) / 0800 55 65 88 (Vestibular)
N /