Ageuniara

Território da arte espalha cultura por Araraquara

Por: RICARDO FERREIRA DE BARROS

20/06/2017

Está ocorrendo na Casa da Cultura “Luís Antonio Martinez Corrêa”, de Araraquara (SP), a14ª edição do Território da Arte, com o tema “Arte e a Cidade”. O Território da Arte é uma mostra de artes plásticas, com a realização da Secretaria de Cultura e da Fundação de Arte e Cultura de Araraquara (FUNDART), e que reúne pinturas, esculturas e diversas manifestações  artísticas. O objetivo, segundo os organizadores, é difundir a produção local e proporcionar a troca entre artistas renomados e novos artistas.

A artista e educadora da Casa da Cultura, Rita Michelutti, conta que o projeto Território da Arte surgiu em  2002, com a iniciativa do Secretario da Cultura, daquele ano, que era Lauro Monteiro e do artista plástico Christopher Spotto.

“O primeiro formato do projeto era:  Arte Acadêmica,   Arte Contemporânea e Perspectiva futura.  Essa perspectiva tinha finalidade para pessoas que ainda não eram consideradas artistas, mais que estavam apresentando um ótimo trabalho para receber uma premiação e ser incentivada  a ser um artista futuramente”, comenta Rita.

Segundo ela, nesse primeiro formato, os artistas tinham que se inscrever, e passavam por uma seleção  para participar do projeto, onde no final recebiam um certificado e tinham seu nome em um catálogo de registro. " Também tinha a participação de pessoas ligadas à arte para dar entrevistas e palestras. Depois desse passo inicial, começou acontecendo o evento,  sempre aproveitando de algum momento de coisas que estavam ocorrendo ligadas ao cenário das artes", explica Rita.

“O tema 'A cidade como suporte’, por exemplo, veio com a necessidade, pois era ocupado nos espaços do Teatro Municipal, Palacete das Rosas, Casa da Cultura e no Museu Municipal e, esse ano, devido a alguns problemas em alguns desses espaços, houve dentro de uma proposta de democratização da arte, espalhar a arte por toda a cidade, e usar a cidade como suporte", completa Rita.

Sendo que suporte, de acordo com ela,  é um termo dentro das artes visuais e plásticas aonde se produz a obra. "O suporte para o pintor é a tela, papel ou a madeiral”, salienta a artista . Então, conforme ela mesmo explica, essa palavra suporte do artista pela cidade foi utilizada para que acontecesse o Território, e que todos pudessem ver e deixar sair a arte desse espaço.  " O tema visa somente a cidade de Araraquara, o que ela tem e o que possa ser usufruído para a arte",diz.

Ainda, segundo ela, existe bastante interesse do público em questão da arte e cultura, mas o que está acontecendo é uma maior falta de divulgação. " Para as  pessoas terem conhecimento do que está acontecendo, há a  necessidade de algum veículo que atinja mais a população", comenta.

O Território da Arte é aberto através de um edital público e qualquer artista pode participar do evento. As exposições ocorrem até o dia 31 de julho e a entrada é gratuita. Mais informações podem ser obtidas na Casa da Cultura que fica na Rua São Bento, 909 , no centro de Araraquara. O telefone para contato é (16) 3333 1159.

Publicada em 20/6/2017 às 21h23. 



Destaques:

Reportagens recentes:

Todas as reportagens

Reproduzir o conteúdo do site da Uniara é permitido, contanto que seja citada a fonte. Se você tiver problemas para visualizar ou encontrar informações, entre em contato conosco.
Uniara - Universidade de Araraquara / Rua Carlos Gomes, 1338, Centro / Araraquara-SP / CEP 14801-340 / 16 3301.7100 (Geral) / 0800 55 65 88 (Vestibular)
N /ageuniara/